Prefeitura convida comunidade a colocar a mão na massa para manter centros esportivos

Entre um mergulho e outro, nos dias mais quentes, eles bombam de gente na piscina. Da primavera em diante, os clubes escolas recebem três vezes mais a frequência de crianças e jovens em suas dependências, destinadas às práticas esportivas. Em toda a cidade, são 46 e constituem vínculos importantes de lazer com a comunidade. Mas não dá para levar no “esporte” o abandono que esses espaços tiveram em sucessivas gestões públicas. Cortes de verbas comprometeram a infraestrutura de muitos deles, como o caso do Clube Escola Geraldo José de Almeida, o Centro Esportivo de Pirituba. CRÉDITO DAS FOTOS: VICTÓRIA VASCONCELOS

← Voltar página