Publicidade

Publicidade

Publicidade

20 de Abril de 2017 Publicado por: Folha Noroeste Categoria: Entretenimento

Sesc Pompeia recebe o espetáculo Diásporas em Maio

Novo trabalho da Cia Elevador de Teatro Panorâmico, dirigido por Marcelo Lazzaratto, estreia dia 11 de maio no Sesc Pompeia
Espetáculo entra em cartaz no Sesc Pompeia em maio. Foto: João Caldas

Publicado às 14h35

Por Redação Folha Noroeste

O Sesc Pompeia recebe a partir de 11 de maio, o espetáculo Diásporas, concebido e dirigido por Marcelo Lazzaratto. A ideia foi criada a partir do pensamento sobre os movimentos migratórios da história mundial, que nesse mundo globalizado sacodem as estruturas, ressignificam geografias e territórios, trazem para a agenda dos governantes e empresários dos conglomerados financeiros, para os intelectuais de diversas disciplinas, para os artistas e cidadãos de todo o mundo o complexo debate entre identidade e alteridade.

Porém, a maior preocupação da Companhia foi não representar ou falar em nome de nenhum povo específico ou de alguma diáspora que aconteceu historicamente. “As questões de cada cultura são muito delicadas e complexas, dependentes de um conhecimento de causa que jamais teríamos a pretensão de abarcar.Nosso objetivo inicial foi olhar para um tempo passado, onde a interação direta com a natureza estruturava maneiras de pensar e agir dos agrupamentos humanos, criando três culturas fictícias que pertencem ao Mar à Montanha e ao Deserto” explica o diretor.

Lazzaratto convidou duas jovens companhias para fazerem parte do elenco e somar os 45 integrantes que o projeto pede. São elas a Cia. Histriônica de Teatro e Os Barulhentos, que trataram das questões dos imigrantes e refugiados em seus trabalhos mais recentes. O elenco ainda conta com ex-integrantes da Cia. Elevador que fizeram parte do coletivo nesses 17 anos de história. O cenário e o figurino são assinados por Chico Spinosa e a música executada ao vivo pelos atores é composta por Greg Slivar, que também está em cena para executar a trilha juntos com os atores.

A encenação - O Mar, a Montanha e o Deserto
O espetáculo Diásporas contará com 45 atores e o compositor da trilha. Esse número vem da necessidade de colocar na cena grandes coletivos que se movimentam livremente.

Toda a equipe de criação, atores, músicos, figurinista, cenógrafo, maquiador, iluminador e diretor conceberam 3 povos, - 3 culturas - com 15 atores cada, que se movimentam pelo espaço cênico em Campo de Visão revelando estas culturas através de ritmos, musicalidade, simbologias, padrões de movimento, língua, gestualidade.

Sinopse
Diásporas apresenta três histórias sobre três povos fictícios. Em uma aldeia montanhesa, uma suspeita sobre a real existência de um de seus habitantes abre uma série de acontecimentos que alterará para sempre o modo de vida do pequeno povoado. Em uma ilha, uma tribo liderada por mulheres se vê às vésperas de ser deslocada para um continente. Por fim, em um território desértico, duas dissidências de um mesmo povo travam uma guerra de longa data, repleta de consequências. Ao aproximar as três histórias, os deslocamentos de seus personagens nos lançam interrogações sobre os movimentos migratórios.

Serviço:

Diásporas           
Quando: De 11 de maio a 4 de junho de 2017. Quinta a sábado, às 20h. Domingo, às 18h.

Onde: Teatro Sesc Pompeia – Rua Clélia, 93.

Duração: 2h50 (com intervalo)

Ingressos: R$12,00 (credencial plena/trabalhador no comércio e serviços matriculado no Sesc e dependentes), R$20,00 (pessoas com +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino) e  R$40,00 (inteira).

Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 16 anos.