Publicidade

Publicidade

Publicidade

21 de Novembro de 2017 Publicado por: Folha Noroeste Categoria: Regional

Polícia irá avaliar se delegacia na Vila Leopoldina com goteiras precisará passar por reforma

Segundo a SSP, objetivo é verificar se água danificou prédio do 91º DP, Ceasa, Zona Oeste da capital. Vídeo gravado no sábado viralizou nas redes sociais
Água escorre por balcão na Vila Leopoldina. Foto: Reprodução

Publicado às 9h45

G1 São Paulo

A polícia irá avaliar se a delegacia filmada com goteiras durante chuva que atingiu a Zona Oeste de São Paulo no último sábado (18) precisará ser reformada. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), na terça-feira (21) haverá uma avaliação para saber se a água que infiltrou no prédio afetou sua estrutura.

No vídeo, que viralizou nas redes sociais, é possível ver uma "cachoeira" caindo do teto e alagando o chão do 91º Distrito Policial (DP), Ceasa, na Vila Leopoldina.

As imagens ainda mostram que documentos foram molhados. Segundo comentários de policiais no WhatsApp, são boletins de ocorrência usados para registrar queixas de crimes que serão investigados pela Polícia Civil.

Nota da SSP informa que um entupimento em uma calha provocou o vazamento e que um reparo foi feito para solucionar o problema. A pasta acrescenta que nenhum documento que não possa ser reimpresso foi danificado. A delegacia está funcionando normalmente.

Leia a íntegra da nota da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo:

"A Polícia Civil esclarece que devido às fortes chuvas uma calha do edifício entupiu provocando o vazamento no prédio. A instituição informa que um reparo foi realizado para solucionar o problema e que nenhum documento que não possa ser reimpresso foi danificado durante a chuva. Na próxima terça-feira (21), a unidade irá passar por uma avaliação para detectar se a chuva afetou de alguma forma a estrutura do prédio e se há necessidade de alguma reforma.

Quanto aos banheiros e falta de água, a Polícia Civil acrescenta que não foi localizada nenhuma falha e que quando algum problema estrutural é encontrado ele é resolvido o mais rápido possível.

Importante destacar que em agosto foi liberada uma verba suplementar de mais de 18 milhões para a Polícia Civil. Em 2017, o orçamento da Polícia Civil foi ampliado em 3% e os investimentos tiveram aumento de 166%. No dia 1º de novembro, o governador Geraldo Alckmin anunciou a modernização de 120 delegacias e a abertura de licitação para a compra de 80 novas viaturas."

'Alarmante'

Em julho deste ano, o G1 mostrou que o vazamento de um e-mail interno mostrava que a cúpula da Polícia Civil de São Paulo fazia planos para encarar a crise financeira na instituição e já admitia a possibilidade de delegacias fecharem as portas temporariamente devido à falta de recursos.

A diretoria havia classificado a situação como "alarmante" e pedia que cada setor elaborasse um plano de contingência de verbas.

Procurada à época, a Secretaria da Segurança Pública informou que "não há falta de recursos para a Polícia Civil".