COTIDIANO

Mães contratadas pela Prefeitura iniciam atividades nesta segunda (01)

Publicada em 01/03/2021 às 11h03

Por Cristina Braga

Nesta segunda-feira (01/03), 3.156 mil mães selecionadas para o Programa Operação Trabalho – POT Volta às Aulas, da Prefeitura de São Paulo, começam a trabalhar em mais de 1.500 escolas municipais da capital paulista. As mulheres vão atuar no reforço da aplicação dos protocolos sanitários e de distanciamento social nas unidades escolares. O programa é uma parceria entre as secretarias de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, da Educação e da Saúde.

Ao todo, foram convocadas, entre os dias 26 e 28 de fevereiro, 4.543 mulheres, destas 69% estão entre as mães aprovadas para o início do trabalho. O programa tem ainda 1.434 vagas não preenchidas pelo não comparecimento das candidatas ou por mulheres que não atenderam aos quesitos como estar desempregada há mais de quatro meses e receber nenhum tipo de benefício. As mulheres que faltaram na convocação ainda podem ir em um dos 13 postos do Cate – Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo em que estava agendada, entre 10h e 16h, com os seus documentos.

Durante seis meses, as mulheres estarão, junto com os educadores, na retaguarda das crianças, contribuindo com a manutenção da higiene e da segurança sanitária dos alunos, fazendo a aferição de temperatura e ajudando no monitoramento e sensibilização sobre prevenção à Covid-19 no ambiente escolar. Elas também ajudarão na limpeza e higienização dos equipamentos da Secretaria Municipal da Educação. As mães receberão uma bolsa auxílio no valor de R$ 1.155,00 para cumprir uma carga horária de seis horas por dia e 30 horas semanais

Cates com atendimento do POT Volta às Aulas, das 10h às 16h para as vagas que não foram preenchidas:

Zona Noroeste
Cate Brasilândia – Av. João Marcelino Branco, 95
Cate Jaçanã – Rua Luis Stamatis, 300
Cate Lapa – Rua Guaicurus,1000
Cate Pirituba – Av. Dr. Felipe Pinel,12
Cate Jaraguá – Estrada de Taipas, 990