COTIDIANO

Paulistano ganha estação do metrô a 14 minutos a pé do parque Ibirapuera

Estação AACD/Servidor, da linha 5-lilás, fica a 1,1 km do cartão-postal de São Paulo

Publicado às 9h20

Folha de SP

Com a inauguração de novas estações da linha 5-lilás do metrô, o parque Ibirapuera terá seu acesso facilitado ao paulistano.

Aberta ao público nesta sexta-feira (31), a estação AACD-Servidor, da linha 5-lilás, fica a 1,1 km do icônico parque, numa caminhada de 14 minutos.

A saída da estação fica na rua Pedro de Toledo, e para chegar ao parque bastará contornar o quarteirão onde está a estação, atravessar a avenida Ibirapuera, a partir daí, o caminho é feito por quatro quarteirões muito arborizados, em um bairro residencial.

O trajeto conduz até o portão 5 do parque, na avenida Quarto Centenário. O portão dá acesso a uma das áreas mais verdes do Ibirapuera, onde há uma pista para caminhada e quadras esportivas.

De todas as estações já construídas ou planejadas pelo Metrô e pelo Governo do Estado de São Paulo, a AACD-Servidor é a que mais se aproxima do parque.

Além disso, a estação conta com dois pisos de estacionamento, que ainda não está sendo explorado comercialmente pela ViaMobilidade, concessionária da linha5-lilás

Na estação, há ainda um amplo espaço que poderia abrigar pontos de empréstimos de bicicletas.

Até as recentes inaugurações das estações da linha 5-lilás —Eucaliptos e Moema foram abertas neste ano—, o melhor caminho por transporte público até o parque era feito pela rede de ônibus.

Antes do avanço da linha 5-lilás, as estações de metrô mais próximas a pedestres eram a Brigadeiro (na linha 2-verde) e Ana Rosa (linhas 1-azul e 2-verde), a 2,2 km de portões do parque.

Além de mais distantes, as duas estações ficam em um trajeto muito mais íngreme, com diferença de altitude de cerca de 75 metros. O relevo era mais um obstáculo ao paulistano que decidisse passar uma tarde no Ibirapuera e pegar o metrô para retornar para casa. Enquanto isso, o acesso pela estação AACD-Servidor é praticamente plano.

Ainda assim, a partir desta sexta-feira (31), o acesso ao parque pela nova estação será limitado devido ao horário.

A AACD-Servidor estará aberta apenas das 9h às 16h, funcionando em regime de testes. O metrô de São Paulo ainda não estabeleceu previsão para a operação dela em horário integral, como as demais do sistema sobre trilhos.

O acesso ao Ibirapuera pelo metrô também ficará restrito aos moradores da zona sul, área de atendimento da linha 5-lilás, que sai do Capão Redondo e hoje chega até a Vila Clementino, na estação AACD-Servidor.

Paulistanos de outras regiões da cidade só deverão usar o metrô para chegar ao Ibirapuera em setembro —novo prazo fixado pelo governo Márcio França (PSB) para cumprir a promessa de entrega de mais estações que estão em reta final de obras e que permitirão  conectar a linha 5-lilás s linhas 1-azul e 2-verde. A ligação deveria estar pronta desde 2014 e vem sendo seguidamente postergada pela gestão estadual.

A expectativa de público na linha pronta é de 850 mil passageiros por dia (atualmente esse número chega a 322 mil).

Folha Noroeste

Somos o maior prestador da região Noroeste, com mais de 100 mil exemplares impressos a Folha do Noroeste tem se destacado pelo seu comprometimento com a Noticia e tem ajudado a milhares de pessoas a divulgar os problemas do cotidiano de nosso bairro.

Adicione Comentário

Clique aqui para postar um comentário