COTIDIANO

Programa ‘Merenda em Casa’ foi prorrogado até o fim do ano

Publicado em 20/11/2020 às 10h35

Por Cristina Braga

O Governo de São Paulo manterá o programa ‘Merenda em Casa’ nos meses de novembro e dezembro para 770 mil estudantes da rede estadual. No total, o investimento será de R$ 345 milhões até o fim do ano. A oitava parcela do subsídio foi paga nesta semana e a previsão é de que benefício de dezembro seja transferido ao longo do mês.

O Merenda em Casa foi implementado há oito meses para destinar aos estudantes de famílias mais vulneráveis o valor de R$ 55 por aluno para a compra de alimentos, durante o período de suspensão de aulas presenciais por conta da pandemia do coronavírus. Embora em parte do estado as escolas já tenham retornado as atividades presenciais, o

Pagamento pelo app PicPay

O pagamento do Merenda em Casa é realizado por meio do aplicativo PicPay, que pode ser usado em qualquer smartphone. Os beneficiários que já receberam o subsídio nos meses anteriores e, portanto, fizeram cadastro e validaram a identidade, não precisam repetir o trâmite, pois o pagamento vai cair automaticamente.Para ter acesso ao benefício não é necessário ter conta bancária ou cartão de crédito. É possível sacar o dinheiro em um caixa eletrônico da rede 24Horas e transferir o valor para outras contas, sem taxa adicional.