COTIDIANO

União Fraterna encerra primeira fase de confecção de máscaras para comunidades carentes

Publicado em 15/5/2020 às 10h28

Por Cristina Braga

A União Fraterna, na Lapa encerrou a primeira fase de confecção das máscaras com a produção de 1.500 máscaras distribuídas para entidades e comunidades carentes iniciada em março, em um esforço comunitário de combate ao Coronavírus.

Receberam as máscaras as seguntes comunidades na fabricação caseira de máscaras de proteção de tecido lavável, (TNT) para a distribuição nas comunidades carentes de São Paulo,no âmbito da Subprefeitura da Lapa. “A próxima etapa prevê a confecção de 2.500 máscaras”, diz o vice-presidente da União Fraterna Luiz Silva Filho.

Foto abaixo da entrega das máscaras na Comunidade Razzo, na Vila Jaguara

Foto Comunidade Razzo Jaguare

Veja a relação abaixo da distribuição das máscaras confeccionadas pela União Fraterna

Associação Nossa Turma / Ceagesp ( Leopoldina) – 100 máscaras.

Comunidade Alexandre Colares / Razzo ( Vila Jaguara) – 200 máscaras.

Comunidade Areião ( Jaguaré) – 200 máscaras.

Comunidade Bento Bicudo (Vila Jaguara) – 200 máscaras

Comunidade Ceasa – Linha 9 – 100 máscaras.

Comunidade Razzo ( Vila Jaguara) – 250 máscaras na rua Irineu José Bordon

Diversos – 50 máscaras.

Igreja São José do Jaguaré – Programa Jaguaré Caminhos – 200 máscaras.

Instituto Rogacionista na Água Branca – 100 máscaras.

Subprefeitura Lapa – 100 máscaras.