ESPAÇO DO LEITOR

Leitor denuncia praça abandonada e sem manutenção no Alto da Lapa

"O mato cobriu as escadarias, há lixo e restos de comida por todos os lados. Já vemos ratos circulando pelo local", relata leitor

Publicado às 8h20

Solicito ajuda! Aqui no Alto da Lapa existe a Praça Fernando Pacheco de Castro, que fica na esquina da Avenida Cerro Cora com a Avenida Diógenes Ribeiro de Lima, em frente a obra da piscininha e, também, de frente para o portão principal do cemitério da Lapa. Desde o início da obra, em 11 de agosto de 2018, nunca mais houve limpeza e manutenção da praça. O mato cobriu as escadarias, há lixo e restos de comida por todos os lados. Já vemos ratos circulando pelo local. O mato e as árvores impedem a luminosidade noturna da única torre de luz. Enfim, nesta praça falta limpeza, poda e falta iluminação correta. Falta tudo!

Eduardo Colaneri

Foto: Flickr/@intervencoes

RESPOSTA

Assessoria de Imprensa Subprefeitura Lapa

A Subprefeitura Lapa informa que, nessa quarta-feira (12), foram executados os serviços de limpeza e poda na Praça Fernando Pacheco de Castro. Vale ressaltar que os serviços de zeladoria são realizados periodicamente no local mencionado.

Assessoria de Imprensa ILUME

O Departamento de Iluminação Pública (ILUME) esclarece que, na noite dessa quarta-feira (12), uma equipe de manutenção realizou uma vistoria na praça mencionada, e foi constatado que a iluminação estava em ordem. Foto em anexo.

Assessoria de Imprensa AMLURB
A Autoridade Municipal de Limpeza Urbana (AMLURB) informa que, entre janeiro dezembro de 2018, somente na região da Lapa, foram recolhidas 17.147 toneladas de detritos em serviços de varrição e recolhimento de entulho. Já em 2019, entre janeiro e março, foram recolhidas 5.806 toneladas de detritos nos mesmos serviços.

Folha Noroeste

Somos o maior prestador da região Noroeste, com mais de 100 mil exemplares impressos a Folha do Noroeste tem se destacado pelo seu comprometimento com a Noticia e tem ajudado a milhares de pessoas a divulgar os problemas do cotidiano de nosso bairro.

Adicione Comentário

Clique aqui para postar um comentário