REGIONAL

Motorista de aplicativo é preso por suspeita de estuprar jovem em SP

Ricardo Luiz Cesário, de 56 anos, teria cometido o crime em 2018 e era procurado desde 27 de junho e resistiu à prisão

Publicado às 11h15

G1 São Paulo

Um motorista de aplicativo foi preso, na Zona Leste da capital paulista nesta quarta-feira (24), suspeito de estuprar uma jovem em dezembro de 2018. Desde o dia 27 de junho, a 14ª vara Criminal de São Paulo expediu um mandado de prisão contra Ricardo Luiz Cesário, de 56 anos.

De acordo com as informações da Polícia Civil, ele é motorista de táxi do aplicativo 99. A jovem fez a solicitação do carro às 5h do dia do crime e pretendia sair de Pinheiros e ir para Perdizes, na Zona Oeste da cidade de São Paulo.

Em nota, a 99 afirma que está apurando o caso e que “a empresa lamenta profundamente o caso e se solidariza com a vítima. O aplicativo está disponível para colaborar com a investigação das autoridades”.

Segundo a vítima, ela dormiu durante o trajeto e acordou com o motorista “sobre o seu corpo praticando sexo oral além de outros atos libidinosos”. Ela afirmou à polícia que tentou sair do carro, mas que foi agredida com dois socos: um na boca e outro no olho.

Após as agressões, ele deixou a vítima no chão e saiu com o carro. Durante a abordagem policial, nesta quarta, ele xingou os policiais civis e resistiu à prisão.

Folha Noroeste

Somos o maior prestador da região Noroeste, com mais de 100 mil exemplares impressos a Folha do Noroeste tem se destacado pelo seu comprometimento com a Noticia e tem ajudado a milhares de pessoas a divulgar os problemas do cotidiano de nosso bairro.

Adicione Comentário

Clique aqui para postar um comentário