REGIONAL

Mediação fracassa e prefeitura pedirá reintegração de posse na Leopoldina

Publicada em 03/03/2021 às 9h54

Por Eduardo Fiora via Observatório Leopoldina 

A invasão, no Jardim Humaitá (Distrito Vila Leopoldina) , de um conjunto habitacional em fase de entrega para famílias de baixa renda caminha para vias judiciais. É o que comunica, em nota, a Secretaria Municipal de Habitação (SEHAB), que não obteve êxito na mediação junto ao invasores das 181 unidades do Conjunto Habitacional Vila dos Remédios, num conflito iniciado na madrugada do sábado (27 de fevereiro) para domingo.

“Após dois dias seguidos de tentativas de mediações, diálogos e reuniões com os invasores, não houve aceitação das medidas propostas pelo Núcleo de Solução de Conflitos, como o cadastro das famílias nos programas habitacionais do município. Em consequência disto, não resta outra alternativa que não a propositura de uma ação de reintegração de posse, visando assim a proteção das 181 famílias já cadastradas, e que aguardam na fila para receber as unidades que foram invadidas. A SEHAB reforça que tal invasão é prejudicial ao patrimônio público empregado no empreendimento”.

Foto: Divulgação