REGIONAL

UPA Pirituba está com leitos de UTI completamente lotados

Publicado em 09/06/2021 às 10h

Por Redação/G1

O Hospital e Pronto-Socorro da Barra Funda, na Zona Oeste de São Paulo, é um dos que está com mais pacientes do que a capacidade: 107% da lotação. Do lado de fora, nesta terça-feira (8), havia uma fila de atendimento.

De acordo com o boletim diário da secretaria municipal de saúde, hoje, a UPA Tito Lopes, em São Miguel Paulista, na Zona Leste de São Paulo é o local mais lotado da rede municipal com 148% de ocupação.

Além do Pronto-Socorro da Barra Funda e da UPA Tito Lopes, estão nesta lista crítica também a UPA Pirituba, o PS Doutor Caetano Virgílio Netto e a UPA Santo Amaro. Todas com muito mais pacientes do que são capazes de atender normalmente – e não só de Covid-19.

A Secretaria Municipal da Saúde anunciou que vai contratar 200 leitos em hospitais particulares, mas não vai ser fácil encontrar os leitos. O sindicato que reúne os hospitais particulares disse que a rede também está lotada – quase 90% das unidades tem ocupação superior a 80%.

O secretário da Saúde da capital, Edson Aparecido, disse que já mapeou os hospitais privados que ainda têm leitos disponíveis na cidade e que é necessário aumentar a oferta por causa de um possível aumento da demanda nos próximos dias.

Para ele, a medida é necessária para enfrentar melhor os efeitos de um possível novo pico de internações por Covid-19, que ele espera para o dia 20 de junho.

UPA Pirituba. Foto: Divulgação/Prefeitura de SP.

Folha Noroeste

Somos o maior prestador da região Noroeste, com mais de 100 mil exemplares impressos a Folha do Noroeste tem se destacado pelo seu comprometimento com a Noticia e tem ajudado a milhares de pessoas a divulgar os problemas do cotidiano de nosso bairro.

Adicione Comentário

Clique aqui para postar um comentário