SAÚDE

Fiocruz planeja pedir registro de vacina contra a Covid-19 até a próxima semana

Publicado em 29/12/2020 às 11h 

Por IG

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) já planeja pedir o registro vacina contra a Covid-19, desenvolvida pela Universidade de Oxford e o grupo farmacêutico AstraZeneca, na próxima semana.

De acordo com o governo federal, a Fiocruz pretende entregar 210,4 milhões de doses ao país em 2021. Em entrevista à Rádio Gaúcha, nesta segunda-feira (28), o vice-presidente de Produção e Inovação em Saúde da fundação, Marco Krieger, confirmou que o calendário está mantido.

A previsão estipulada pela Fiocruz é receber o registro da Anvisa até fevereiro e, na sequência, liberar as doses já fabricadas. O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirma que a vacinação no Brasil deve começar em meados de fevereiro.

Krieger disse, em entrevista ao Estadão, que a documentação só será levada à agência após a publicação dos dados finais (fase 3) da pesquisa de desenvolvimento do imunizante. Em entrevista ao jornal Sunday Times, o CEO da farmacêutica, Pascal Soriot, disse que o imunizante garantiu “proteção de 100%” contra formas graves de Covid-19.

“A gente não viu esses dados ainda, mas quem falou foi o CEO da empresa. Minha convicção era de que essa evolução acontecesse. Não imaginava que seria tão rápido”, disse Krieger ao Estadão sobre a fala de Soriot.

Segundo o plano nacional de imunização do Ministério da Saúde, no primeiro semestre, a ideia é fabricar 100,4 milhões de doses da vacina. No segundo semestre, mais 110 milhões de doses com produção totalmente nacional.

Foto: Reprodução IG

 

Folha Noroeste

Somos o maior prestador da região Noroeste, com mais de 100 mil exemplares impressos a Folha do Noroeste tem se destacado pelo seu comprometimento com a Noticia e tem ajudado a milhares de pessoas a divulgar os problemas do cotidiano de nosso bairro.

Adicione Comentário

Clique aqui para postar um comentário